“À conversa com Alê Siqueira”

Alê Siqueira

Nascido em São Paulo (SP) em 1972.
Estudou violão erudito com Henrique Pinto e guitarra com Mozart Mello.
É Bacharel em Composição e Regência pela UNESP e técnico em áudio pelo IAV ( Instituto de Audio e Video).
Trabalhou com artistas como Elza Soares, Tom Zé, Arnaldo Antunes, Carlinhos Brown, Marisa Monte, Tribalistas, Margareth Menezes, Lenine, José Miguel Wisnik, Chico César, Caetano Veloso, Bebel Gilberto, Paulinho da Viola, João Donato, Funk Como Le Gusta, Dj Dero, Grupo Corpo, Timbalada, Daniela Mercury, Leila Pinheiro, Cheikh Lô,  Omara Portuondo, Roberto Fonseca, Mayra Andrade, Chico Buarque, Yusa, Jorge Drexler, Ana Carolina, OSB ( Orquestra Sinfônica Brasileira), entre outros.
Em 2003 ganhou o Grammy Latino como co-produtor do CD “Tribalistas”.
Em 2004 ganhou o Grammy Latino com o CD “Carlinhos Brown es Carlito Marrón”.
Em 2005 ganhou o Billboard Latin Music Awards 16th edition  , como co-produtor do  CD “ Flor de Amor “, de Omara Portuondo.
Em 2007 foi Diretor Musical das Cerimônias de Abertura e Encerramento dos Jogos Pan-americanos e Parapan-americanos, ganhando vários prêmios de eventos esportivos, tais como seis Telly Awards e o SportBusiness ISEMS.
Em 2009 ganhou o Grammy Latino com o CD “ Gracias”, de Omara Portuondo.
Em 2015 ganhou Prêmio da Música Brasileira com o CD ” As Ganhadeiras de Itapuã”  ( categoria Melhor Álbum).
Foi diretor musical da cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos Rio 2016.
É curador  do Festival Percpan desde 2014.